Instituto Mara Gabrilli é sucesso de público durante os quatro dias da Feira Reatech

12 de junho de 2017 | 19:19

Fundadora posa no centro da foto com outros colaboradores e atletas do IMG

Entre os dias 1º a 4 de junho, o Instituto Mara Gabrilli marcou presença em mais uma edição da Reatech, a mais importante feira de reabilitação e inclusão da América Latina. A organização foi um dos principais apoios institucionais do evento, que este ano completou sua 15ª edição.

Confira as fotos do Instituto na Reatech 2017

O IMG, como em todos os anos de Reatech, teve seu estande na feira e contou com a presença dos atletas do Projeto Próximo Passo, ação patrocinada pela Toyota e a SESVESP (Sindicato das Empresas de Segurança Privada, Segurança Eletrônica e Cursos de Formação do Estado de São Paulo). Alguns atletas, inclusive, carregavam medalhas recém-conquistadas durante o final de semana da Feira, quando aconteceu também a Primeira etapa Nacional do Circuito Loterias Caixa e o Copa Brasil de Paraciclismo.

O estande do IMG contou também com a presença e atendimento da Coloplast, empresa patrocinadora do Cadê Você? projeto do Instituto que atende e orienta pessoas com deficiência moradoras de grandes periferias da cidade.

No primeiro dia de feira (1/6), a Toyota do Brasil, que também é patrocinadora do Instituto Mara Gabrilli desde 2013, recebeu em seu estande o prêmio de Melhor Carro do Ano para Pessoa com Deficiência, entregue pela Revista Reação, graças ao trabalho desenvolvido no Corolla GLi, sedã médio mais vendido do Brasil e também o preferido pelo público com deficiência.

A fundadora do IMG, Mara Gabrilli, esteve presente na cerimônia de premiação junto ao Steve ST Angelo, CEO da Toyota para a América Latina e Caribe e Chairman da Toyota do Brasil e Argentina.

Mara, que além de fundar o Instituto, também é uma pessoa com deficiência que pratica esportes, afirmou estar muito feliz celebrando mais um ano de parceria entre o Instituto e a Toyota. “É muito bom saber que podemos contar com empresas que acreditam na disseminação da prática esportiva como ferramenta de inclusão e se comprometem não só com o paredesporto, mas também com o público com deficiência de maneira geral, respeitando suas necessidades como consumidor”, disse.

Atleta do IMG mostra folder do InstitutoRecebendo o Prêmio pela terceira vez, Steve ST Angelo, afirmou estar muito honrado também com a parceria entre a Toyota do Brasil e o IMG. “Estamos orgulhosos de nossa parceria com o Instituto Mara Gabrilli, que desenvolve atletas paraolímpicos. Também estou feliz por anunciar aqui na Reatech, um plano financeiro especial para toda a l inha Etios por meio do Ciclo Toyota. Eu acredito que nosso carro compacto é um forte candidato para receber este prêmio no próximo ano”, afirmou.

Com entrada gratuita, a REATECH recebe a cada edição cerca de 50 mil visitantes, entre profissionais da saúde e educação, além de consumidores finais, que puderam conferir simultaneamente, seminários e palestras dedicados aos temas de reabilitação e inclusão.

Convidada a se apresentar no Reashow, espaço dedicado aos expositores da Feira, a fundadora Mara Gabrilli fez uma palestra no segundo dia da Reatech (2/6), onde falou sobre a construção da Lei Brasileira de Inclusão, legislação que está em vigor desde o ano passado e traz uma série de direitos e inovações à população com deficiência em todo o Brasil, alterando, inclusive, o Código de Defesa do Consumidor.

Para assistir a palestra, clique aqui 

“Como fundadora do Instituto Mara Gabrilli, tenho muito orgulho de já ter participado de inúmeras edições da Reatech e ainda poder falar sobre direitos essenciais às pessoas com deficiência e que foram construídos justamente por elas”, afirmou.

Fundadora do IMG desde 1997, Mara ainda destaca que no Brasil são mais de 45 milhões de pessoas com deficiência e que esse contingente é também um importante público consumidor. “Representamos não só um importante nicho de mercado, mas um contingente que tem muito a contribuir. Este, aliás, é um desafio que ainda temos à frente: trabalhar para que os cidadãos com deficiência tenham acesso a bens e serviços que o tornem ativos e contribuintes plenos na sociedade. Neste sentido, a Reatech tem sido uma grande parceira e propulsora da nossa evolução”, concluiu.

Créditos das fotos: João Mantovani e Cesar Cury